o reencontro

O reencontro com a minha cria foi uma emoção. Que disparate, foram só 5 dias blá blá blá. Mas a mim pareceram-me uma eternidade. E se antes ficava alguns dias longe sem que isso me afectasse muito, hoje em dia dou por mim muito choramingona.
Como qualquer mãe, gosto da parte em que os filhos são bebés. Mas, não me interpretem mal, gosto muito mais quando já andam e falam connosco. Quando nos dizem "gosto de ti", quando já fazem piadas e ironizam, quando nos fazem verdadeira companhia e nos tratam como princesas.
O meu miúdo só tem quase 3 anos, mas já me trata como se eu fosse alguém precioso. É uma paixão constante, feita da convivência desde que nasceu até ao dia de hoje. É uma cumplicidade que adoro e da qual cada vez mais desfruto. 

6 comentários:

  1. E o teu filhote é fantástico!
    O que interessa é que já passou.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, ele é fantástico :D
      Não posso dizer propriamente dizer que já passou. Agora é ver se o bicho não pegou em mim.

      Eliminar
  2. ...e à medida que vão crescendo esse amor cresce com eles, tornam-se os nossos melhores amigos <3 Parabéns!Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Ele é mais ou menos da idade do meu e esta idade é uma delícia... E a ligação que têm connosco... Uma ternura e um amor tão grande. Somos mesmo as princesas dos nossos meninos... E vou ali acordá-lo da sesta que hoje está de molho em casa e eu já tenho saudades dele!

    ResponderEliminar