é para rir ou para chorar?

Acto 1
Numa loja (que adoro) de fatos-de-banho, passo os olhos e as mãos por um lindo. Branquinho e justinho.
A senhora funcionária vem ter comigo e pergunta "Quer experimentar?".

Acto 2
Hoje, decido comprar um vestido. Peço o nº 38 (que eu sou daquelas grávidas armadas em boas que compram coisas para usar depois da gravidez, imagine-se, no mesmo nº que usava antes de engravidar, olha m´esta!). 
Diz a senhora a quem eu peço o vestido "É para si? Então se calhar é melhor experimentar o 42".

Adenda:
Acto 3 (esta é da primeira gravidez)
Entro numa loja, começo o meu périplo pela colecção. A senhora da loja vem ter comigo e diz "Também temos tamanhos grandes".

11 comentários:

  1. Essa senhora do acto 2 mais valia estar caladinha... :)

    ResponderEliminar
  2. Hahahahaha, vês, a ajudarem-te a passar esta fase final de bom humor!!

    E compra as peças com o número antigo, sim, vais voltar a ele!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que vou. Já voltei uma vez, hei-de voltar outra :D

      Eliminar
  3. eu se fosse a ti comprava 36! ;) com 2 vais ao sítio ou menos em menos de nada :p
    essas senhoras "delicadas" são um must...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sou uma gaja realista e o 36 é coisa que não me assiste :D

      Eliminar
  4. ia dizer o mesmo que a Miriam... :D
    sabes que agora o que se vê primeiro é a tua barriga :DDD as senhoras ficam baralhadas
    é por estas e por outras que não gosto de funcionárias que vêm logo meter o bedelho mal entramos na loja.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, eu também não. E agora, por causa destes episódios começo logo a rosnar.

      Eliminar
  5. É tudo inveja (da segunda, claro!) pois continuas muito elegante!

    ResponderEliminar
  6. Já vesti 38... agora visto 42 e não engravidei entretanto! ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E viva o livre arbítrio dos números que uma gaja quer vestir!

      Eliminar