a derradeira

E lá viémos da derradeira ecografia.
É sempre uma sensação estranha, quando o médico se despede de nós e deseja "felicidades". É assim, agora és atirada aos lobos, toma.
Foi a eco mais rápida até agora, em que vislumbrámos uma rapariga muito composta e, ao que parece, comprida. Com 2,080 Kg (medo) e ali um pormenor nas feições que encontrámos, idêntico ao irmão.
Igual a si própria, chutava nada delicadamente, de cada vez que sentia a maquineta em cima da minha barriga.
"Já está virada de cabeça para baixo", olha a novidade! Como se eu já não tivesse sentido os calcanhares espetados cá em cima!
Foi uma espécie de matar saudades da nossa rapariga que já não víamos desde a eco de Janeiro. Encontrei-a tão maior, tão definida e já bebé. Que vontade de a beijocar.
Agora está ali a ganhar bochechas.
E a chutar. Ai.

11 comentários:

  1. Está quase com ela nos braços :)

    oneplustwoblog.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Por pouco, não nos encontrávamos lá outra vez. Eu fui na terça feira... Também achei o meu Baby parecido com o mano... Aquelas imagens a 3D que ele faz da carinha deles são incríveis... Tão lindos!!

    ResponderEliminar
  3. Delicioso. :)

    Agora é com ela, quando decidir que os pontapés já não a satisfazem e que o TO é curto, lá se decidirá em vir conhecer os papás!

    ResponderEliminar
  4. esperas mais um bocadinha que daqui a nada já está cá fora***

    ResponderEliminar
  5. Eu ando farta de andar em modo baleia assassina, mas convenhamos, é melhor que fique aninhada e a pontapear (dentro do normal, please) mais umas semanas! Pelo menos até às 37 semanas.
    Obrigada malta! Chuac!

    ResponderEliminar
  6. Está quase! Até eu já anseio conhecer a tua batatinha :D

    ResponderEliminar