achei (depois do "procura-se")

Em relação a camisas de dormir: detesto. Não uso. Não gosto.
Acalmem-se, não pratico o nudismo (não que tenha nada de mal, que não tem) no vale dos lençóis. Mas é que eu só uso pijamas.
Por isso tive mesmo de comprar alguma coisa para a maternidade. E foi o DILEMA!
No 1º filho usei camisas de Inverno, que agora não íam servir. Eu sou uma pessoa de muitos calores e Maio é, digamos, um mês primaveril.
Não consegui a perfeição. Encontrei soluções razoáveis, que se lixe.
Uma camisa branca da Zara Home, uma camisa da La Redoute e por último, uma camisa encontrada numa loja de comércio tradicional. Tudo manga cava e com elasticidade. Que vou rematar com um robe fofinho branco e umas havaianas. Siga!

8 comentários:

  1. Em maio,de facto, está calor, principalmente nos hospitais. O meu filho nasceu em maio e tinha imenso calor. Essas camisas são giras.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São jeitosas sim senhora. Pena é a da Zara Home ser branca.

      Eliminar
  2. Boa ;) tal como tu, não gosto de camisas (not my thing) e comprei de propósito numa loja de comércio tradicional.
    ah...e comprei um robe branco e levei as havaianas mas não consegui usar o robe, tive demasiado calor, mas também... foi a meio de Junho :)
    Já estás prontíssima ;)

    ResponderEliminar
  3. Também não gosto, mas também as usei alguns dias depois dos bebés nascerem. Mas também encontras pijamas muito giros, não muito quentes e próprios para maternidade (isto se pretendes amamentar) senão não há necessidade nenhuma de ter as aberturas fáceis!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há pijamas para a maternidade, mas pessoalmente acho que não dá muito jeito. Primeiro porque custam mais a vestir. Depois porque, como diz uma amiga, não dá jeito para a "inspecção" :D

      Eliminar